O Brasil teve uma ligeira melhora na edição 2020 do Índice de Liberdade Econômica da Heritage Foundation, o principal termômetro desse indicador no mundo. Ainda assim, a situação do país é trágica: estamos na 144ª colocação, atrás de países como Afeganistão, Togo e Gâmbia. A pandemia do Covid-19 deve tornar a situação ainda pior, com a desaceleração da economia e a necessidade de gastos emergenciais por parte do governo. Neste cenário, o que pode ser feito? 

Para debater este assunto, o Instituto Monte Castelo, o Centro Mackenzie de Liberdade Econômica e a Heritage Foundation promovem um seminário online e gratuito. Será no dia 21 de maio, quinta-feira, às 19h. A duração prevista é de até uma hora e meia, e haverá espaço para perguntas da plateia. A apresentação de James M. Roberts será feita em inglês. As demais, em português.

Os inscritos que permanecerem do início até o fim receberão um certificado de participação.

O link para acessar o seminário virtual é este: http://tinyurl.com/y9ofqnn8.

CONHEÇA OS PARTICIPANTES

Terry Miller: É o editor do Índice de Liberdade Econômica da Heritage Foundation. Também na Heritage, onde está desde 2007, dirige o Center for International Trade and Economics. Antes, como embaixador, atuou em diversas missões diplomáticas dos Estados Unidos, inclusive nas Nações Unidas. Chefiou, dentre outros, a delegação americana na Conferência da ONU sobre Comércio Exterior e Desenvolvimento, em 2004. 

James M. Roberts: Responsável pelas seções de Estado de Direito e Liberdade Monetária do Índice de Liberdade Econômica da Heritage Foundation, ele tem como foco em sua pesquisa os países da América Latina e da Europa. Antes de ingressar na Heritage, em 2007, trabalhou por 25 anos no Departamento de Estado americano.  James M. Roberts tem mestrado em Economia pela Universidade de Yale e MBA pela Universidade de Pittsburgh.

Paulo Eduardo Martins: Deputado federal pelo PSC do Paraná, está no segundo mandato. É um dos parlamentares avaliados com nota 10 no Ranking de Plenário 2020 do Instituto Monte Castelo. Paulo Eduardo Martins é jornalista de formação, e exerceu a profissão em uma das principais emissoras do Paraná antes de ingressar na vida política.

Lucas Freire: Professor da Universidade Mackenzie e pesquisador do Centro Mackenzie de Liberdade Econômica, é doutor pela Universidade de Exeter (Reino Unido), onde também lecionou. Ainda foi professor na Universidade de Plymouth (Reino Unido). Lucas Freire foi o vencedor do Prêmio Michael Novak, concedido pelo Acton Institute (EUA), de 2018.

Gabriel de Arruda Castro: Diretor-executivo do Instituto Monte Castelo, tem mestrado em Administração Pública pela Universidade da Pensilvânia. Atuou como jornalista na revista VEJA e no jornal Gazeta do Povo. Atualmente, cursa um doutorado em política no Hillsdale College (EUA).